Ortopedia

22 de setembro de 2015

Dentre os praticantes de CrossFit, 73% sofrem algum tipo de lesão, afirma estudo

Apesar da popularidade do CrossFit, de acordo com um estudo divulgado pela revista científica Journal of Strength and Conditioning Research Publish Ahead of Print , 73% dos que praticantes sofreram algum tipo de lesão e, destes, 7% precisam de intervenção cirúrgica.




Dentre os praticantes de CrossFit, 73% sofrem algum tipo de lesão, afirma estudo.

O CrossFit, modalidade de atividade física baseada em ‘superar os próprios limites’, ganha novos adeptos a cada dia, em todos os lugares do país. Criado nos Estados Unidos para treinar soldados do exército, policiais e bombeiros, a prática tornou-se popular e já possui torneio próprio nas terras do Tio Sam desde 2007.

Apesar da popularidade, no entanto, de acordo com um estudo divulgado pela revista científica Journal of Strength and Conditioning Research Publish Ahead of Print , 73% dos que praticam Crossfit sofreram algum tipo de lesão e, destes, 7% precisam de intervenção cirúrgica. Foram avaliados 132 praticantes.

O estudo ainda calcula uma média de 3,1 lesões a cada mil horas treinadas, e afirma que são os mesmos índices dos atletas de levantamento de peso olímpico e ginástica olímpica, mas são menores que os de jogadores de rugby, por exemplo.

Segundo o fisioterapeuta André Nogueira, sócio-fundador da club físio (SP), para o início de qualquer atividade esportiva, a pessoa deve passar por uma avaliação para que o especialista possa quantificar e enquadrá-la adequadamente dentro da modalidade: “O CrossFit é muito interessante, principalmente para quem acha a musculação monótona. Porém, o grande problema para quem não tem um condicionamento básico, é que os treinos muitas vezes exigem mais da pessoa do que realmente ela conseguiria suportar, tornando-se uma atividade com grande potencial lesivo”.

A consequência do excesso de atividade física, sem acompanhamento de um profissional, são lesões principalmente nos joelhos, coluna e ombros. Vários dos exercícios exigem que o aluno erga rapidamente o braço carregando uma grande quantidade de peso: “Esse tipo de movimento causa estresse nas articulações e, feito de maneira incorreta, pode gerar lesões articulares, musculares e em casos extremos até rompimento de tendões”, conta Gustavo Lacreta, fisioterapeuta especializado em esportes.

As lesões no joelho estão muito mais associadas à prática incorreta dos exercícios e sua repetição. O agachamento, por exemplo, é praticado no CrossFit com aumento de angulação, ou seja, o aluno precisa descer até quase o chão e voltar. Isso, segundo André Nogueira, pode causar sobrecarga na articulação do joelho. “Quando você passa de uma angulação acima de 60°, aumenta a sobrecarga da articulação patelofemoral – entre a patela e o fêmur, causando desgaste da cartilagem e a longo prazo pode gerar uma artrose”, explica.

Na coluna, a carga excessiva de peso associada a uma postura errada nos exercícios é fatal: “Movimentos errados podem acarretar dores na coluna, em hérnias de disco e até em cirurgia”, revela Lacreta.

Os fisioterapeutas, no entanto, não desaconselham a prática do esporte: “É preciso, além de uma avaliação adequada feita por um profissional da saúde, moderar a intensidade, o peso e o número de repetições. Independentemente se a pessoa está começando agora ou se já faz há muito tempo, o CrossFit provoca muita intensidade”, explica Nogueira.

Se a lesão já aconteceu, o aconselhável é interromper a prática da atividade e procurar uma clínica de fisioterapia. Em média, os tratamentos variam de 4 a 8 semanas dependendo da gravidade da lesão.

Treinos

Os treinos de CrossFit duram em média uma hora e são divididos em quatro fases: aquecimento (warm up), skill (parte técnica), wod (workout of the Day – atividade do dia ou missão) e alongamento.

Durante este tempo, dez capacidades físicas diferentes são trabalhadas. São elas: Resistência muscular, resistência respiratória, flexibilidade, agilidade, equilíbrio, velocidade, potência, força, coordenação motora e precisão.

Durante o aquecimento, são estabelecidos cinco rounds (atividades diferentes) que devem ser feitas em um determinado período de tempo, o maior número de vezes possível. Já no wod (ou missão), o aluno tem que praticar um número certo de exercícios no menor período de tempo possível.

Os exercícios são variados, como corrida, levantamento de peso, air squat (a pessoa pula sobre uma plataforma e agacha ali) e diversos outros



Matéria publicada no site Olhar Direto



Comentários ()

22 de setembro de 2017 às 15:52

coach outlet online disse:

kr
20 de setembro de 2017 às 07:52

browns jerseys disse:

Needed to post you this tiny observation to finally say thanks once again with your remarkable principles you have shown on this page. It's certainly pretty generous of people like you to convey freely all that a few individuals would've supplied for an e book to get some bucks for their own end, precisely considering the fact that you could have tried it in the event you desired. These good ideas likewise acted to become good way to understand that many people have the same dream the same as my own to know significantly more pertaining to this issue. I believe there are thousands of more fun moments ahead for individuals that scan through your blog post.
15 de setembro de 2017 às 14:48

cheap ray bans disse:

/xe/
30 de dezembro de 2016 às 02:16

VJmVdY8leIg disse:

to your face, especially if you guys were dating, and in college, no less."You have no idea what you're talking about.Granted that was in 1978 and I doubt if anyone would be silly enough to say that to a black person's face no&y;aas.Iw#39dm 48 and some of the stupid and totally clueless $hit I've heard white people, who I would not consider haters, say about race over the years could make your head spin.They have just assumed "white is right" and everything else is wrong.


Deixe seu comentário

Seu Nome:

Seu Email:




Leia mais

Osteoporose: como prevenir?

A osteoporose é uma doença que leva à fragilidade dos ossos e aumenta o risco de fraturas. Vários fatores estão envolvidos no desenvolvimento da osteoporose, alguns deles não podem ser alterados, mas felizmente, muito deles podem ser modificados reduzindo as chances do aparecimento da osteoporose.

Não caia na tendinite!

A tendinite é uma doença que pode ter causas ocupacionais, pela repetição de movimentos, principalmente os das mãos, pulsos e braços e é muito comum hoje em dia,visto que a maioria das profissões exigem,por exemplo,a digitação nas teclas de um computador.

Exercícios para dor nas costas

Com certa frequência conhecemos pessoas que nos pedem algum exercício para dor nas costas. As vezes é uma Hérnia de disco ou apenas um esforço maior da lombar ao fazer certas tarefas diárias ou exercícios.



a Fisioterapeuta .com
Tendências da profissão de Fisioterapia. Debates e comentários sobre teorias, salários, especializações, vagas, empregos, concursos e muito mais
Projetado por Ronnan del Rey