Profissão

21 de maio de 2011

Fisioterapia ajuda contra os efeitos do Câncer

No pós-operatório, tratar pacientes de câncer com fisioterapia e terapias complementares, como argila e pedras quentes, melhora o controle da dor, diminui os efeitos colaterais da quimioterapia e combate a fadiga, o estresse e a depressão



Priscilla aplica a terapia de pedras quentes em uma paciente: relaxa os músculos e melhora a circulação

"Isso não é uma sala de fisio, parece um spa!", disse a professora Evelise Feres ao entrar no recinto onde fez oito sessões de fisioterapia integrada com massagem e pedras quentes, no Instituto Paulista de Cancerologia (IPC). Ela teve um tumor benigno na tireóide e precisou retirar esta glândula quase que inteira. A posição na qual Evelise ficou durante a cirurgia era muito incômoda, provocou muita dor no maxilar e comprometeu toda a musculatura do pescoço. Foi numa sala com cama quente, música relaxante e aromaterapia que a professora passou por drenagem linfática para tirar o líquido que se concentra na área afetada, massagem para não formar fibrose no local da cirurgia e para soltar a musculatura do pescoço. No fim das sessões, pedras quentes nas costas. Ela considera que todos esses cuidados, além da fisio em si, ajudaram em sua recuperação: em apenas quatro sessões, seu pescoço já havia voltado ao normal. A aplicação de argila contribuiu para a cicatrização ser rápida. "Eu não tive câncer (o tumor era benigno), mas imagino que para quem tem, além do problema físico, existe o emocional. Aquele tratamento ajuda muito na recuperação", diz. Segundo ela, deveria ser essencial para quem passa por um estresse como esse.

O leitor pode estar se perguntando o que tem a ver pedras quentes com câncer... A mistura de quimioterapia, radioterapia, fisioterapia e terapias complementares – além de acompanhamento odontológico e psicológico – faz parte de um tratamento integrado da oncologia, muito comum nos Estados Unidos, mas pouco conhecido e realizado no Brasil. Ele não só combate o tumor, como também presta cuidado ao estado psicológico do paciente. Foi em dois centros de referência em câncer americanos, o MD Anderson Cancer Center, em Houston, e o Memorial Sloan Kettering Cancer Center, em Nova York, que o cirurgião oncológico Ricardo Antunes, vice-presidente da Sociedade Brasileira de Oncologia, conheceu e vivenciou a integração entre os tratamentos tradicionais e as terapias complementares. Em 2004, Antunes implementou essa visão holística no IPC, onde é diretor. Agora, além da fisioterapia, os pacientes também têm acesso a pedras quentes, argila e hidratação facial e corporal.

Apesar de não existirem pesquisas suficientes para comprovar os benefícios reais dessas terapias no tratamento oncológico, Antunes comprova na clínica algumas evidências descritas em trabalhos científicos. Esse tratamento integrado melhora o controle da dor, diminui os efeitos colaterais da quimioterapia e radiotrerapia (como náuseas, vômitos, cansaço e queda da imunidade), afasta a depressão, combate a fadiga (falta de fome, apatia, isolamento) e melhora a qualidade de vida do paciente – muito prejudicada pelo estresse psicológico causado pela doença e por suas consequências físicas. "O câncer provoca uma falta de qualidade de vida que pode ser resgatada. Mas jamais com tratamentos tradicionais de protocolo", afirma o médico. "Tudo o que é crônico é difícil de lidar porque não tem recurso terapêutico", diz, sobre a falta de esperança em pacientes em estágio avançado da doença. "Hoje eu vejo a diferença que isso (terapias complementares) faz. Os resultados já justificam a continuidade deste trabalho", afirma.

Priscilla Mendoza, fisioterapeuta, explica que as pedras quentes ajudam a soltar a musculatura, muitas vezes enrijecida pela tensão provocada pela cirurgia, melhoram a circulação e relaxam. Já a argila ajuda na cicatrização, é usada na região da radioterapia, que fica queimada, e também hidrata a pele, que geralmente fica ressecada por ação da quimio. Este último benefício também é alcançado pela hidratação facial e corporal. "Essas terapias diminuem a dor, promovem relaxamento e aumentam a confiança dos pacientes. Eles saem daqui mais leves, e voltam rapidamente às suas atividades normais", afirma Priscilla. Essa teoria é confirmada pelo comerciante Sérgio Luisi, que descobriu estar com câncer na língua durante as sessões de quimioterapia para um recém descoberto câncer no intestino. Ele se submeteu, em março, a um esvaziamento cervical para retirar gânglios do pescoço. Hoje diz que está "praticamente zerado". Além de drenagem linfática no pescoço, que ficou inchado, ele recebia massagem e pedras quentes. "Era relaxante, e aliviava qualquer coisa, inclusive a dor. Eu saía de lá renovado, desestressado", diz. Ele diz que o tratamento integrado contribuiu para sua recuperação: "80% dela foi em função disso".

Segundo a fisioterapeuta, de 60% a 70% dos pacientes aderem ao tratamento integrado. Esse número não alcança 100%, de acordo com Ricardo Antunes, porque essas terapias não são cobertas pelos planos e seguros de saúde. O valor relativamente baixo se comparado ao mercado (a sessão de 1h custa R$ 50 no pacote com oito sessões) não incentiva todos os pacientes. Para o oncologista, existe a necessidade de se ampliar o acesso populacional às terapias complementares no Sistema Único de Saúde (SUS). "Se isso muda a sobrevida do paciente, ninguém vai ter essa resposta. O que tem de certo é que isso muda a vida dos pacientes com câncer. Isso faz com que eles revivam, que tenham estímulo", afirma.


http://revistaepoca.globo.com/Revista/Epoca/0,,EMI234202-15257,00.html



Comentários ()

28 de setembro de 2017 às 15:08

true religion jeans disse:

I am also commenting to let you be aware of of the outstanding encounter our daughter gained checking yuor web blog. She came to understand many issues, not to mention what it's like to possess an amazing coaching mood to get other people effortlessly have an understanding of several specialized subject matter. You truly exceeded our expectations. Thanks for distributing those useful, healthy, edifying and as well as easy thoughts on the topic to Julie.
21 de setembro de 2017 às 01:23

detroit lions jerseys disse:

Thank you so much for giving everyone a very splendid possiblity to discover important secrets from this web site. It is usually very terrific plus full of fun for me personally and my office colleagues to search your web site more than three times weekly to read through the newest secrets you have got. And definitely, I'm at all times happy concerning the breathtaking points you give. Selected 1 ideas in this article are certainly the most suitable I have had.
30 de dezembro de 2016 às 02:16

DfNLfMahqPF disse:

Hey there would you mind stating which blog platform you’re using? I’m going to start my own blog in the near future but I’m having a hard time deciding between Blso/ngine/WordpreosEB2evglution and Drupal. The reason I ask is because your design and style seems different then most blogs and I’m looking for something unique. P.S My apologies for being off-topic but I had to ask!
19 de dezembro de 2011 às 15:54

RODNEI MAGIOLO disse:

por favor eu fui dIAGNOSTICADO COM UMA MASSA SOLIDA EMTRE OS MEUS ORGAOS FIGADO RINS E ESTOMAGO O QUAL ESTA EMPURRANDO O RIN CAUDALENTAMENTE; GOSTARIA DE ME TRATAR COM ARGILA PORQUE O CIRURGIAO DISSE QUE EU POSSO PERDER O RIN NA CIRURGIA E QUERO SABER SE É POSSIVEL O TRATAMENTO POR FAVOR AGUARDO RESPOSTAS SE POSSIVEL NO MEU EMAIL OU TELEFONE.RODNEIMAGIOLO@YAHOO.COM.BR TEL:39747241
17 de junho de 2011 às 22:15

marley aparecida gomes da silva disse:

Boa noite !
Sou estudante de Fisioterapia , estudo na Uninove, achei muito interessante esse texto sobre Pedras Quentes. Fiz o curso de Pedras Quentes, e o que aprendi que
não se pode aplicar Pedras Quentes em pessoas que tiveram ou tenha tido câncer
recente. Gostaria de mais detalhes sobre isso. Será que vc pode me mandar.

Desde já agradeço Marley


Deixe seu comentário

Seu Nome:

Seu Email:




Leia mais

Aplicativo Android para fisioterapeutas



Dilma sanciona lei que altera o Simples Nacional

Sistema COFFITO-CREFITOs comemora mais uma conquista para a Fisioterapia e a Terapia Ocupacional

Fisioterapia é eficiente: saiba como identificar se está sendo bem feita

Descubra quando não está recebendo um tratamento fisioterapêutico adequado e assim reivindique todo o seu direito de ser bem atendido



a Fisioterapeuta .com
Tendências da profissão de Fisioterapia. Debates e comentários sobre teorias, salários, especializações, vagas, empregos, concursos e muito mais
Projetado por Ronnan del Rey